COBERTURADESTAQUE

Início da montagem dos KC-390 portugueses!

A Embraer Defesa e Segurança iniciou a montagem da primeira aeronave de transporte tático KC-390 “Millennium” da encomenda colocada por Portugal.

Em junho de 2017 Portugal iniciou negociações oficiais com a Embraer para a compra de cinco aeronaves de transporte tático KC-390 (com opção de uma sexta aeronave).

Em 2019, o governo português anunciou um pedido firme de cinco aeronaves de transporte multi-missão Embraer KC-390 no âmbito do processo de modernização das capacidades da Força Aérea Portuguesa para apoiar as operações das Forças Armadas e aumentar a preparação do poder público em missões de interesse nacionais.

O português KC-390 vai cumprir novos requisitos de interoperabilidade, nas áreas da navegação segura, transmissão de dados e voz, o que permitirá ao KC-390 integrar operações conjuntas em alianças multinacionais em que Portugal está integrado (leia-se NATO/OTAN).

Estes requisitos, desenvolvidos em parceria com a Força Aérea Portuguesa, vão permitir ao KC-390 dar resposta às necessidades de muitos outros países do mundo. Jackson Schneider, Presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança, disse “A parceria industrial entre Portugal e a Embraer contribui para o desenvolvimento da engenharia e da indústria aeronáutica portuguesa, representando anualmente mais de 300 milhões de euros de exportações e milhares de empregos altamente qualificados”.

Portugal é o maior parceiro internacional do programa KC-390 e a sua participação no desenvolvimento e produção da aeronave é reconhecida como tendo um impacto económico positivo na criação de emprego, novos investimentos, aumento das exportações e avanços tecnológicos.

O KC-390 recebeu a certificação civil da Agência Nacional de Aviação (ANAC) em 2018 e agora está em produção em série completa.

O Embraer KC-390

O KC-390 possui aviônicos com display heads-up duplo, com um sistema de missão completo.

A aeronave também é equipada com um sistema completo de autoproteção.

Os pilotos atuam controles “fly-by-wire” com sistema de controle de voo e funções otimizadas, o que garantirá excelente desempenho com uma pequena tripulação.

A tripulação se utiliza de quatro grandes telas reconfiguráveis ​​e dois manches laterais, e o KC-390 permite o uso seguro em pistas semi-preparadas.

A aeronave terá peso máximo para decolagem de 72 toneladas e carga máxima de 23 toneladas.

Com comprimento de 33,4 metros e altura de 11,4 metros, a aeronave tem envergadura de 33,9 metros.

Equipada com porta de carga na parte traseira, a aeronave também pode ser rapidamente equipada para reabastecimento em voo, bem como para missões específicas.

O KC-390 é alimentado por dois propulsores IAE V2500-A5.

What is your reaction?

Excited
0
Happy
0
In Love
0
Not Sure
0
Silly
0
Roberto Caiafa
Jornalista e Repórter Fotográfico especializado na Editoria de Defesa com mais de 15 anos de experiência profissional. Corresponsal no Brasil de Infodefensa desde abril de 2011. Youtube Canal Caiafamaster (https://www.youtube.com/c/caiafamaster)

You may also like

3 Comments

  1. O KC-390 voando na Força Aérea Portugal e depois na Força Aérea da Hungria, chamará atenção de outros futuros potenciais compradores. A EMBRAER está de parabéns em ter sido ousada a desafiar o C-130J e outras variáveis do avião. A EMBRAER é competência pura! Parabéns EMBRAER e a todos os envolvidos neste projeto magnífico.

    Me chamou atenção a pintura da aeronave. Se for esta mesmo, ficou linda! É bem parecida até com a pintura da FAB. Interessante.

  2. Caiafa, tenho uma brochura da Embraer em pdf c/ 40 páginas e na nº30 consta 26 ton p/ carga centralizada e 23 ton p/ distribuida então é bom fazer essa ressalva, pois se ele for transportar um blindado essas 3 ton a mais poder ser muito importante e aumenta ainda mais a vantagem p/ o C-130, concorda?
    Abs.

  3. Bom dia!
    O KC390 vai abrir as portas da OTAN.Vai ser um sucesso de vendas.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

More in:COBERTURA